Projetos

Distribuição de renda, pobreza e desigualdade no Brasil: evolução e determinantes

dezembro de 2003 - janeiro de 2004

Este é um estudo sobre a perversa distribuição de renda brasileira. Estudos deste tipo tratam essencialmente de três temas:

  • quais as dimensões do problema e quais os grupos mais afetados;
  • quais as origens e os determinantes da pobreza e da desigualdade; e
  • quais as ações e políticas mais adequadas para o combate à pobreza e à desigualdade.

Este estudo se concentra na primeira destas três questões. Assim, o seu principal objetivo é atualizar a informação disponível sobre a evolução da distribuição de renda brasileira ao longo das últimas duas décadas e também identificar os grupos mais afetados pela pobreza e pela desigualdade. Apesar de não tratarmos explicitamente dos determinantes da pobreza e da desigualdade, estes são tangenciados ao se identificar e analisar os grupos mais vulneráveis no país. Da mesma forma, embora o desenho ou seleção de políticas de combate à pobreza e à desigualdade não seja o objetivo central deste estudo; na medida em que os resultados encontrados sugerirem intervenções desta natureza, estas serão explicitadas.

O trabalho será organizado em duas partes. Na primeira, trataremos apenas da distribuição de renda do país como um todo, sem diferenciar entre regiões ou grupos sociais. Seu conteúdo pode ser resumido em:

  • uma análise da evolução da distribuição de renda no país ao longo das últimas duas décadas;
  • uma avaliação de como o crescimento e reduções no grau de desigualdade têm historicamente contribuído para a redução da pobreza e da extrema pobreza no país; e
  • como estes fatores podem vir a contribuir para reduções futuras.

Na segunda parte do estudo, pretende-se partir para uma análise mais desagregada, que permita concluir:

  • quais os principais grupos sociais a contribuir para a pobreza e a desigualdade nacionais; e
  • para quais grupos, os níveis internos de pobreza e desigualdade são mais acentuados do que a média nacional.

Observação: Ao final, os produtos gerados devem incluir um compêndio estatístico completo e também um artigo contendo análise dos principais resultados.